Temer não descarta presença do Exército no RJ até o fim de 2018
O presidente se reuniu com Luiz Fernando Pezão e Marcelo Crivella em viagem para supervisionar a atuação das Forças Armadas no estado
 Da Redação
O presidente Michel Temer (PMDB) disse neste domingo que há a possibilidade de estender o decreto que autorizou a atuação das Forças Armadas para garantir a segurança no Rio de Janeiro. Em breve viagem para supervisionar o trabalho do Exército no estado, Temer declarou que poderá renovar a permanência dos militares no Rio até o final de 2018.
“Este é um primeiro momento, uma primeira fase que será sequenciada por várias fases. No meu decreto, assinado na sexta, eu fixei, por razões do ano fiscal, que essa operação se dará até 31 de dezembro de 2017. Mas nada impedirá que, no começo do ano, nós renovemos esse decreto para fazermos vigorar até o final de 2018. E, evidentemente, tudo isso poderá indicar que as ações conjuntas e coordenadas dessas forças de segurança possam ser ampliadas para os anos seguintes”, disse o presidente.

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar