MISSA MANDADA CELEBRAR PELO TERNUMA EM MEMÓRIA DOS MORTOS NA LUTA ARMADA
Caros amigos, irmãos e irmãs em Cristo Jesus - 31/04/14
Escolhemos como ambiente para a nossa assembleia a paz, a segurança, a isenção e a pureza da Casa de Deus, porquanto aqui não serão acolhidas mentiras, hipocrisia, nem tampouco falsidades, porque aqui professa-se a Palavra, cultua-se a Verdade e pratica-se o Amor e o Respeito ao Criador e ao Próximo!

Reunimo-nos nesta data histórica para comemorar, para lamentar e para reafirmar compromissos.
Aqui viemos para lembrar uma decisão, largamente festejada, da Nação brasileira, tomada há cinquenta anos e que assegurou a cada um de seus filhos a liberdade para escolher, diante das oportunidades, os seus caminhos, certos ou errados, mas coerentes com o livre-arbítrio que nos concede o Pai Eterno.

Assim, nas duas décadas que se seguiram ao 31 da março de 1964, graças às bênçãos de Deus, às asas da liberdade mantidas abertas sobre nós e ao potencial de cada brasileiro, houve progresso, crescimento, bem estar social, segurança, pleno emprego e um “milagre brasileiro” que nos permite, apesar de todos os erros, enganos e malfeitos, figurar, até hoje, entre as dez maiores economias do mundo!

Este é o motivo da nossa comemoração!

Por ouro lado, no mesmo período, o fracasso de uma minoria iludida e fanatizada, cujas ideias e pretensões foram rejeitadas pela vontade nacional, foi motivo uma luta armada que, entre combates, excessos de ambos os lados e ações de guerrilha e terrorismo, em 21 anos de governos militares, tirou a vida de quase meio milhar de brasileiros!

Este, caros amigos, é o motivo da nossa lamentação!

Nas lutas entre irmãos, vencidos e vencedores acabam por reencontrar-se e por esquecer seus desencontros. No nosso caso, seguindo a tradição da índole brasileira e o exemplo de Caxias, o Congresso Nacional aprovou e promulgou uma Lei da Anistia, selando o fim de um tempo, na vã esperança de iniciar um novo, regido pelos ensinamentos e mandamentos conciliatórios do Cristo Jesus.

A frustração dessa esperança, evidenciada na criação de comissões de vindita que, facciosamente, desdenham causas e distorcem fatos, é que nos reporta à última ação a realizar nesta assembleia que, por sincera e verdadeira, é realizada diante do Altar de Deus!

Aqui viemos, pois, para reafirmar que os ideais que, há 50 anos, levaram às ruas as “famílias com Deus pela liberdade” e as tropas militares a por fim à baderna e ao desmando, ainda habitam os corações e as mentes dos homens e mulheres desta terra e que, portanto, são compromissos de vida que assumimos diante de Deus, da Pátria e do futuro de nossos filhos e netos!

Roguemos, pois, ao Pai de Misericórdia para que Ele nos guarde e guie, iluminando o caminho das decisões que todos nós brasileiros temos a tomar no decorrer deste e dos próximos anos e que prevaleça, acima de tudo, a Sua Santa Vontade!

Comentários  

+1 #6 O Chato voltou 01-04-2014 22:48
Povo voto certo! Os petistas comunistas, deverão sair imediatamente do Poder. Brasil sempre acima de todos!
+1 #5 Falando Sério 01-04-2014 19:09
(...) A fase de se livrar disso mais facilmente, tanto do fanatismo religioso quanto do fanatismo ideológico é na idade juvenil. Quando um marxista milita por uma vida de vários anos dificilmente ele desiste. E além de tudo um comunista de fundamentação marxista tem um padrão de valores diferente de um tradicionalista de qualquer corrente cultural que seja. Para ele princípios como verdade, honestidade e moral de comportamentos são puramente relativos porque ele se orienta basicamente pelo materialismo dialético e não por princípios de valores transcendentais .
+1 #4 Falando Sério 01-04-2014 19:09
Que todo mundo aprenda de uma vez por todas e para sempre que com pessoas de ideologia comunista-marxi sta-leninista-m aoista-gramscis ta não se faz acordo de paz porque um comunista não desiste de seu objetivo revolucionário após uma militância fanatizada por muitos anos. A coisa fica impregnada em sua mente de tal forma que ele se sente dominado. Não há diferença alguma entre fanatismo religioso e fanatismo marxista, pois ambos praticam o culto da adoração (...)
+2 #3 Daniel Albuquerque 01-04-2014 18:01
AMÉM!
+1 #2 João dos Santos 01-04-2014 18:00
Belíssimo e verdadeiro texto!!

Ontem orei a Deus por todos aqueles que tiveram a responsabilidad e e a determinação de lutar pelo Brasil naquele período.

Recebam os agradecimentos sinceros de um brasileiro nascido em abril de 1964 e que graças a vocês viveu muitos anos de paz.

Defendo-os em qualquer lugar em que tenha oportunidade de me expressar.

Deus os abençoe sempre.
+2 #1 Maria Alice Maranhão 01-04-2014 16:36
( ... )Roguemos, pois, ao Pai de Misericórdia para que Ele nos guarde e guie, iluminando o caminho das decisões que todos nós brasileiros temos a tomar no decorrer deste e dos próximos anos e que prevaleça, acima de tudo, a Sua Santa Vontade!( ... )_!!! AMÉM !!!

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar