Imprimir
Categoria: Lançamentos
Acessos: 4006

Coronel Ustra lança A verdade sufocada

Sem as prometidas manifestações contra seu autor, foi lançado, na noite de ontem, A verdade sufocada - A história que a esquerda não quer que o Brasil conheça. O livro, que já vendeu mais de 6 mil cópias sem a ajuda de um plano de marketing, tem o objetivo de mostrar a outra versão de uma história que foi deturpada ao longo dos anos e que merece ser esclarecida, diz o seu autor e coronel reformado do Exército Brasileiro, Carlos Alberto Brilhante Ustra.

Texto completo


 

No lançamento, estiveram presentes, em sua maioria, militares reformados, amigos e desconhecidos de Ustra. A verdade sufocada faz, segundo o coronel aviador de reserva da Aeronáutica, Marco Antônio Sendin, uma avaliação histórica sobre o regime da revolução, principalmente sobre as ações terroristas no Brasil. ''Ele conta o que aconteceu, os fatos reais, com os grupos guerrilheiros no Brasil'', diz.

O livro vem encontrando resistência para ser lançado nos estados onde chega. O Centro de Diretos Humanos organizou um movimento que reuniu 75 mil pessoas que se diziam contra o lançamento do livro na Academia Norte-rio-grandense de Letras. O movimento foi o responsável pela recusa por parte do Instituto Histórico e Geográfico do estado de sediar o lançamento.

Apartidário, o gerente comercial da AS Livros, Cícero Oliveira, onde a obra foi lançada, agiu diplomáticamente. ''A AS livros é um espaço democrático e, como tal, não poderia rejeitar o lançamento de um livro. Independentemente da opinião defendida na publicação, a AS Livros está aí para atender às necessidades do público com relação à literatura. Quando lançamos um livro aqui, não significa dizer que concordamos ou que deixamos de concordar com o assunto abordado''. O ex-secretário do estado e general José Carlos Leite disse que é um livro que vale a pena ser lido para que o tema seja conhecido e através desse conhecimento, um diálogo seja estabelecido.