(Texto proferido pelo Gen Ex Armando Luiz Malan de Paiva Chaves antes da Bênção Final da Missa em Ação de Graças pela Reconciliação Nacional, celebrada pelo Coronel-Capelão Chefe do SAREX José Eudes da Cunha em 31 Mar 2015, na Catedral Militar de Brasília)

A data de hoje lembra a contrarrevolução irrompida em 1964. Porém não estamos aqui para festejá-la – embora razões haja.

A motivação que nos congraça não são festejos. É a piedade. É a lembrança e o preito de saudade, de homenagem, de oração, que prestamos aos muitos sacrificados nos embates por seu ideal, fosse no cumprimento do dever, fosse na conquista de objetivos políticos. Ou aos inocentes que pereceram na voragem dos confrontos, sem saberem o porquê de sua imolação.

A vocação brasileira para a paz e a harmonia foi combalida pela violência dos entrechoques, comparável em mínima escala aos vitimados em outros países de muito menor população. Ainda assim os números comovem. Foram mais de meio milhar os mortos, somando os de ambas as partes e os alheios a qualquer compromisso. É a eles, sem distingui-los, que elevamos nossas preces.

Conhecemos, muito de perto, na família, o ideal de jovens que, em seu entusiasmo de juventude, se deixaram levar para o confronto. Muitos pereceram na luta armada, na plenitude de seus verdes anos, alguns pelas mãos dos próprios companheiros. Não cabe hoje julgá-los, mas nos apiedarmos. Oremos por suas almas.

Camaradas de armas que prezamos foram levados a aprender a lutar em combate muito diferente do que lhes fora ensinado em sua formação. Por dever de ofício, enfrentaram conterrâneos, não inimigos estrangeiros, purgando, no fundo da alma, pela luta contra irmãos. Pagaram o preço de seu sangue e da própria vida. Assim também policiais civis e militares, embora treinados para enfrentar a contravenção. Roguemos ao Altíssimo por seu descanso eterno.

Que essa missa, de iniciativa da Associação dos Veteranos da Força Expedicionária Brasileira, possa nos iluminar o caminho da fraternidade. Que leguemos ao olvido nossas mágoas e caminhemos, se não para o perdão, para o esquecimento, a anistia que os poderes concederam mas os homens não aceitaram.

Gen Ex Armando Luiz Malan de Paiva Chaves

 

Comentários  

0 #5 Paulo Terracota 08-05-2016 00:01
Com todo o respeito meu general, eu nunca vou perdoar e muito menos me apiedar dessa gente falsa, mentirosa,dissi mulada e covarde. Eles continuam com suas perfídias lançando lama no nome de brasileiros honrados que em determinado tempo de nossa história, lutaram com denodo contra essa matilha vermelha.
0 #4 jaime edmundo dolce 09-04-2015 15:30
meu,pai,cardeni o jayme dolce,foi,uma das 120 vitimas do terrorismo,no brasil,delegado ,aposentado,foi morto,num assalto,na casa de saude dr eiras,no rj,em 1971.
+3 #3 Ferreira Pena 04-04-2015 22:00
Piedade general, para que serve contra essa canalha que não respeita nada? Essa guerrilheira frustada e o vagabundo Lula sabem o que é isso, respeitam o país? Botaram o Brasil na lona para nos dominar e sairão ilesos de tudo que fizeram.
+3 #2 Vaulber B. Pellegrin 04-04-2015 17:44
Guerrilheiros não seria mais apropriado "terroristas", como a que desgoverna o país!!!
+2 #1 OF SIP REFO 03-04-2015 22:35
PARABÉNS PELA INICIATIVA!NOSS OS RESPEITOS AOS HERÓIS DE TODOS OS TEMPOS!SEJAM DA GUERRA DO PARAGUAI, DA 2ª GUERRA MUNDIAL, DAS REVOLTAS EM SOLO BRASILEIRO, DA CONTRARREVOLUÇÃ O DE 31 MAR 64 - POR TERMOS QUE APAZIGUAR AOS PRÓPRIOS IRMÃOS, CUJA FFAA, PREPARADAS PARA LUTAR CONTRA OUTROS INIMIGOS, TIVERAM QUE FAZÊ-LO DENTRO DO PRÓPRIO TERRITÓRIO, ESTANDO OU NÃO TREINADOS PARA CONTRA GUERRILHAS, CONTRA TERRORISMO OU OUTRAS IDEOLOGIAS ESTRANHAS AO NOSSO CHÃO! APENAS, PARA NÃO SERMOS ESQUECIDOS, POIS, A SEGURANÇA NO BRASIL ADVÉM DE UMA EXCELENTE UNIÃO ENTRE OS DIVERSOS ÓRGÃOS- PM,BM, POL CIV, PF E OUTROS - INTEGRADOS NUMA SÓ DIREÇÃO, SEREMOS SEMPRE FORTES CONTRA OS INIMIGOS INTERNOS! QUE DEUS NOS ABENÇOE E POSSAMOS NUM FUTURO BEM PRÓXIMO LIVRARMO-NOS DOS LULOCOMUNOPETIS TAS INFILTRADOS MALDOSAMENTE EM DIVERSOS SETORES PÚBLICOS, COLOCANDO ENTRAVES AO PROGRESSO! POR EXEMPLO SE LOCUPLETANDO DA PETROBRÁS, BNDES, CEF, BB, ETC - COMO TEMOS VISTO DIUTURNAMENTE - GUERRILHEIROS, NUNCA O PERDÃO!

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar