Imprimir
Categoria: Diversos
Acessos: 2083

“Agradeço os pêsames recebidos e envio o que escrevi a pedido do jornal inconfidência.”
Meu irmão Carlos Alberto Brilhante Ustra
O tempo é inexorável. Voltar ao passado e lembrar passagens de nosso convívio, desde a infância, mostra-nos trajetórias da vida com momentos inesquecíveis e inabaláveis com o passar dos anos.
Esta vida é uma passagem. O importante é deixar aqui o nosso rastro e com a satisfação de ter cumprido a nossa missão.

Meu irmão! Soubeste ser em todos os momentos, em todas as épocas, o irmão presente, o irmão amigo. Graças a tua estirpe e têmpera, exerceste a arte de esgrimir palavras e condutas que te fizeram respeitado e admirado pelos nossos pais, irmãos e teus familiares, assim como todos os amigos que tiveram a alegria de teu convívio. O reconhecimento ultrapassou barreiras e as Forças Armadas, em especial o Exercito Brasileiro e a sociedade brasileira souberam aplaudir teus feitos.

Tua competência, tua coragem, aliadas a determinação de combater o bom combate na defesa de causa justa, redundou na incompreensão de teus algozes que levados a derrota, sempre marcados pelo inconformismo, mostraram-se covardes, odiosos e caluniadores.

Meu irmão! Assim como o vento, o tempo passa e sempre passará. O Carlos Alberto Brilhante Ustra existiu e sempre existirá.

Volta-me a lembrança de tua juventude quando sonhavas objetivos particulares e também profissionais, sem que pudéssemos imaginar quantas adversidades estariam em teu caminho tão árduo, mas também eivado de alegrias e realizações.

Por tudo e por todos deixaste marcante legado de tua paixão por este Brasil de todos nós. Agora, cabe-nos dizer que a saudades é a felicidades que ficou.

Meu irmão! Descanse em paz, pois continuaremos lutando pela causa e pelos teus ideais, para que possas, ainda que num sussurro, nos dizer:

“ Confesso que vivi “

 

Renato Brilhante Ustra