A caverna baiana  de Ali Babá 
O Globo – 06/09/2017 
Na maior apreensão de dinheiro vivo já feita no país , a PF encontrou mais de 40 milhões em notas de R$ 100 e R$ 50 guardadas em malas e caixas num apartamento de Salvador . Segundo a PF, o imóvel pertence a Sílvio Ferreira, que o teria cedido para que o ex-ministra Geddel Vieira Lima (PMDB-BA), em prisão domiciliar, guarde pertences . Sete máquinas de contar cédulas foram usadas para somar o dinheiro.
 

Obs do site www.averdadesufocada.com : Na realidade, segundo as notícias que explodiram ontem( 05/09)  a tarde, o valor encontrado passava de R$ 51 bilhões em notas de reais e dólares.

Adriana Mendes e André de Souza- O Globo – 06/09/2017
 
Geddel ,que já foi ministro da Secretaria de Governo do presidente Michel Temer , cumpre prisão domiciliar na cidade.
A ação faz parte da Operação Tesouro Perdido, que cumpriu mandado de busca e apreensão emitido pelo juiz  Vallisney de Souza Oliveira, da 10ªVara Federal de Brasília  


A  localização do “bunker” foi possível após investigações nas últimas fases da  Operação do Cui Bono. Nesse caso, ele é suspeito de ter recebido cerca de 20 milhões em propina de empresas interessadas em liberação de financiamentos na Caixa Econômica Federal (CEF) banco do qual Geddel foi vice –presidente de Pessoa Jurídica ente 2011 e 2013, no governo Dilma Rousseff. 

 
Outra operação, a Sépsis , também lançou suspeitas sobre Geddel, relativas ao pagamento de propinas para conseguir créditos no Fundo de investimentos do Fundo de garantia de Tempo de Serviço( FI- FGTS), administrado pela Caixa. 
 
 
Adicionar comentário