SanatórioGeral: Camburão à vista
Gleisi Hoffmann se desespera ao lembrar que a lei enfim começou a valer para todos
Por Augusto Nunes -12 /03/2018
Ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann
“Vivemos tempos sombrios no Brasil. Não temos normalidade democrática, política e institucional. Aumenta o cerco à democracia e a tudo que se relaciona a ela. Os direitos do povo brasileiro e os direitos dos trabalhadores.

É nesse processo que a perseguição de Lula acontece. Lula foi condenado por um Tribunal Regional de Porto Alegre e esta condenação está servindo para quererem prender o Lula. É isso mesmo! Querem prender o Lula com a condenação de um tribunal de segunda instância. A Constituição brasileira é muito clara: Ninguém pode ser preso senão por trânsito em julgado de sentença condenatória, e trânsito em julgado é quando o último tribunal dá o seu veredito sobre o processo. E o último tribunal é o Supremo Tribunal Federal. É um absurdo quererem prender o maior líder popular que este país já teve”. (Gleisi Hoffmann, senadora e presidente do PT, num vídeo publicado no site do partido, desesperada ao pensar que não conseguirá adiar pelo tempo que gostaria a própria entrada na fila do camburão

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar