Delação que revela elo entre facção criminosa e partido político, põe em risco a vida de Marcos Valério

Jornal da Cidade Online - 08/12/2018 
Preso na Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem (MG) a vida do publicitário Marcos Valério está em risco.
A defesa do publicitário já denunciou as reiteradas ameaças que vem sofrendo.
Em sua delação premiada, por enquanto mantida em sigilo, além do caso Celso Daniel, ele teria desnudado a relação promíscua e facínora mantida entre uma facção criminosa de São Paulo e um partido político.

Não foi revelado qual o partido político, mas tudo indica que seja o Partido dos Trabalhadores.

Valério está preso desde 2013 e cumpre pena de 37 anos e 5 meses de prisão, após ser condenado no esquema do Mensalão pelos crimes de peculato, corrupção ativa, evasão de divisas e lavagem de dinheiro.

A deputada federal eleita Carla Zambelli fez um apelo no Twitter nesta sexta-feira (7) no sentido de que as autoridades protejam Valério.

Otto Dantas
Articulista e Repórter
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar