Quase 2/3 da população estão otimistas com o governo Bolsonaro
Pedro Couto - www.tribunadainternet - 23/12/2018
Pesquisa do Instituto Datafolha, publicada na edição de ontem da Folha de São Paulo e analisada por Igor Gielow, revela que 65% dos brasileiros e brasileiras confiam no governo Bolsonaro e acham que o país vai melhorar e o desemprego vai baixar.Essa expectativa positiva supera todos os créditos de confiança que marcaram as perspectivas com os governos Lula e Dilma Rousseff. A maioria inclusive sustenta que a economia vai avançar e a inflação vai cair. O índice inflacionário deve fechar o ano de 2018 em torno de 4%.
REAÇÃO NATURAL – É possível, penso eu, que a população ao responder as perguntas que nortearam o levantamento, tenham revelado sua visão acerca da economia unindo a queda da corrupção com o processo inflacionário e o desenvolvimento econômico do país.

Realmente, a reação contra a corrupção atingiu um nível altíssimo, o que levou a opinião pública a rejeitar os corruptos, considerando a necessidade de um freio no assalto aos cofres públicos. A reação é natural e não há dúvida que o reflexo se faz sentir em todo o processo político econômico e social no Brasil. Isso porque não pode haver ninguém que se afirme favorável à corrupção.

Entretanto, não é só isso que o Datafolha revelou. A pesquisa mostra que 47% sustentam que o desemprego vai recuar e o Brasil vai voltar a crescer nos próximos meses.

PERTO DA POSSE – O otimismo crescente avançou mais na medida em que se aproxima a posse do novo presidente da República. Tal disposição destaca paralelamente um grau de confiança no êxito das medidas até agora reveladas pelos jornais e emissoras de televisão, assinalando que se aproxima um período que vai ao encontro da vontade nacional. Diante de uma pergunta sobre o poder de compra a resposta coincide com o grau de confiança na administração que começa daqui a poucos dias.

Porque o poder de compra contido nos salários caiu de 32 para 14% no governo Temer. O poder de compra assim caiu substancialmente.

O que talvez explique a confiança em Bolsonaro, partindo-se do princípio – pode ser a explicação de que seria impossível o país melhorar com o governo de Temer, que ingressou no crepúsculo.

TODAS AS CONDIÇÕES – Dessa forma, apoiado nas circunstâncias de hoje, o novo chefe do Executivo tem todas as condições para melhorar os níveis econômicos e sociais do Brasil.

Falei em crepúsculo de Michel Temer e assim destaco também, em contrapartida, o alvorecer de Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto.

|

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar