É com profunda tristeza e consternação que nós, da Rádio BandNews FM, comunicamos a morte do nosso amigo e âncora de todas as manhãs, Ricardo Boechat.
No Jornal Hoje, da concorrente rede Globo, a morte do apresentador também foi noticiada. Assim como na Band, os jornalistas do telejornal demonstravam grande tristeza.Boechat trabalhou no grupo Globo e em outras das maiores publicações do Brasil, como o jornal O Estado de S. Paulo e a revista Istoé. Venceu três vezes o extinto Prêmio Esso, principal do jornalismo brasileirjo

.O presidente Jair Bolsonaro deixou de lado suas rusgas com a imprensa e manifestou solidariedade à família do jornalista (e do piloto do helicóptero, que ainda não foi identificado) no Twitter. "Minha solidariedade a família", escreveu o políticoJair M. Bolsonaro✔

@jairbolsonaro
É com pesar que recebo a triste notícia do falecimento do jornalista Ricardo Boechat, que estava no helicóptero que caiu hoje em SP. Minha solidariedade à família do profissional e colega que sempre tive muito respeito, bem como do piloto. Que Deus console a todos!

Ricardo Eugênio Boechat nasceu em Buenos Aires em 1952. Tinha 66 anos.

O acidente
O helicóptero caiu no quilômetro 7 do Rodoanel, próximo ao acesso à rodovia Anhanguera, quase na chegada a São Paulo. No acidente, acontecido no começo da tarde desta segunda, também morreu o piloto da aeronave.

Segundo o Corpo de Bombeiros, a aeronave caiu em cima de um caminhão que trafegava pela via, no sentido interior, próximo à praça do pedágio. O motorista do caminhão foi socorrido pela concessionária.

Ainda de acordo com os Bombeiros, a aeronave que caiu era do modelo BELL PT HPG.

Foram feitas interdições parciais na pista do Rodoanel, sentido Perus, e na Anhanguera, sentido Jundiaí. A concessionária CCR Rodoanel informou que os motoristas podem acessar a Anhanguera, no sentido São Paulo, e pegar um retorno no quilômetro 18 para seguir para o interior.