Jornal da Cidade - 31/05/2019 
Manifestação de cunho eminentemente partidário, sem qualquer relação com a educação. Cada vez mais caem as máscaras da militância ensandecida e que não tem nenhum apreço pela verdadeira democracia.
Contrastando com a bela manifestação de domingo (26), em apoio as pautas que visam tirar o Brasil do ‘buraco’, os eventos desta quinta-feira (30) deram mostra de um ressentido ódio de derrotados na eleição.
O repórter Marcelo Mattos da Rádio Jovem Pan correu sério risco na sua tarefa de noticiar o evento. Foi cercado por um grupo de militantes, hostilizado, xingado e intimidado.
Um deprimente espetáculo de autoritarismo.

Inaceitável o covarde silêncio dos jornais Estadão, Folha e O Globo sobre a agressão ao repórter da Jovem Pan 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar