Funcionários contaram que divisórias, portas e vidraças tremeram com impacto; artefato havia sido colocado na cesta de lixo do banheiro
José Maria Tomazela - Estadão -  Portal Terra - 05/06/2018
Uma bomba de fabricação caseira explodiu, nesta quarta-feira, 5, no prédio da prefeitura de Taubaté, no Vale do Paraíba, interior de São Paulo. Duas pessoas ficaram feridas ao serem atingidas por estilhaços. O prédio, conhecido como Palácio do Bom Conselho, foi evacuado e o expediente foi suspenso à tarde.
A área do entorno também foi isolada. Policiais do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) da Polícia Militar realizaram uma varredura nas instalações e recolheram amostras dos explosivos. Ainda não se sabe a autoria do atentado.

A explosão aconteceu por volta do meio-dia, em um dos banheiros masculinos do prédio. Conforme a prefeitura, um guarda civil municipal teve ferimentos e passou por atendimento no Hospital Regional. Também atingida por estilhaços uma funcionária da limpeza de 40 anos ficou em observação na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) central, mas já foi liberada. Funcionários relataram que divisórias, portas e vidraças tremeram com o impacto da explosão. O artefato havia sido colocado na cesta de lixo do banheiro.

A Polícia Civil abriu inquérito para apurar a autoria. Até a tarde, não havia suspeito. O secretário de Segurança do município, Euclides Maciel, disse que as imagens de câmeras instaladas no prédio foram colocadas à disposição da polícia.

"Esta é a quarta explosão com bombas caseiras que tivemos desde o início da gestão do prefeito Ortiz Junior (PSDB). As outras foram em banheiros de secretarias, de uso exclusivo de funcionários. Desta vez, colocaram a bomba em banheiro que é também de uso do público", disse. Segundo ele, a segurança do prédio será reforçada.

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar