Imprimir
Categoria: Política interna
Acessos: 226

Jornal da Cidade - 16/01/2020 às 07:12
Na terça-feira, 14, apoiadores do presidente Jair Bolsonaro, lotaram o 12º Cartório de Notas, localizado no bairro da Pituba, em Salvador, na Bahia, outrora um reduto petista. O congestionamento se deu devido ao recolhimento de inscrição para o novo partido do presidente, a Aliança Pelo Brasil (APB).
Os apoiadores chegaram junto com o “Aliança Móvel”, que serve para chamar os interessados a apoiar o novo partido.
Desde das 6h da manhã, as filas já se acumulavam em frente ao cartório. Segundo os organizadores, até as 10h, 500 fichas haviam sido distribuídas que foram preenchidas e tiveram firma reconhecida.

“A princípio iríamos disponibilizar dois guichês e por fim acabamos disponibilizando 16”, disse Joean Romaniuck, gestor de qualidade do 12º Cartório de Notas.
Até as 15h de segunda-feira, 13, um total de 151.806 pessoas haviam preenchido a ficha de apoio e apertado o botão para imprimi-la, no site da Aliança. Cada apoiador ainda terá de reconhecer firma da assinatura em um cartório.

Ou seja 30% das assinaturas necessárias já foram confirmadas. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), exige no mínimo 492 mil assinaturas para reconhecer a sigla como partido.

A Aliança Pelo Brasil vem crescendo de maneira jamais vista no país e, ao que tudo indica, não terá nenhuma dificuldade para obter o seu reconhecimento como partido político.

E nasce muito forte.

da Redação