Miguel Sebastián Piñera  - candidato de direita
Chile: com 44,67% dos votos, Piñera lidera eleição presidencial 
O candidato de oposição direitista à presidência do país, Miguel Sebastián Piñera, deposita seu voto nas eleições deste domingo
O candidato da direita chilena, Sebastián Piñera, lidera a disputa pela Presidência após as eleições deste domingo com 44,67% dos votos, com a apuração oficial de 12,64% das urnas.
Tudo indica que haverá segundo turno entre Piñera e o candidato governista, o ex-presidente Eduardo Frei, que recebeu 32,08% dos votos, segundo os dados oficiais da primeira apuração, divulgados às 18h50 locais (19h50 de Brasília) pelo subsecretário do Interior chileno, Patrício Rosende.
Entenda
Se vencer as eleições, o empresário e político do partido conservador Coalizão pela Mudança Sebastián Piñera entrará para a história como o primeiro presidente de direita eleito no país em meio século, considerando os governos democraticamente eleitos.
Durante as últimas décadas o Chile foi governado por coalizões de centro-esquerda do partido Concertación. Antes disso, esteve sob a ditadura do general Augusto Pinochet (1973-1990).
Pesquisas de intenção de voto indicam que haverá segundo turno, já que o vitorioso deve obter mais de 50% dos votos. O segundo turno está previsto para 17 de janeiro.
As eleições no Chile foram realizadas neste domingo, das 7h às 16h. Mais de oito milhões de chilenos com mais de 18 anos foram às urnas nas nove regiões eleitorais do país.

Com Reuters, EFE e Agência Brasil

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar