Stédile na ESG

Eu acabo de falar, pelo telefone, com o Cel. Gonzaga, do setor de Comunicação Social da ESG, sobre a palestra que um dos líderes nacionais do MST, João Pedro Stédile, professou, esta manhã, na Escola. O coronel falou que a palestra faz parte de uma série de outras relacionadas às questões agrárias, sobre as quais se pretende ouvir vários pontos de vista. É com base no conteúdo de todos os pontos de vista que os cursandos reúnem os dados para escrever seus trabalhos de conclusão de curso.

Texto completo



 O Cel. Gonzaga disse que estranhou o fato de não haver interesse de cobertura por parte da imprensa, já que compareceram à palestra apenas duas jornalistas jovens sobre as quais eu não consegui saber a que órgão de imprensa pertenciam. Ele disse que, da parte de Stédile, soube que haveria divulgação a respeito do evento para a mídia. Não houve, a não ser pela Internet, a menos de 12 horas da palestra. Infelizmente, devido à notória falta de recursos daqueles que poderiam se interessar em dar uma cobertura completa, inclusive com perguntas pertinentes aos presentes, observando reações e tendo um bom conhecimento também sobre os temas de reforma agrária, 12 horas não é tempo suficiente para se preparar para comparecer a um evento desses. Ouvir os vários pontos de vista sobre uma determinada questão, para extrair dela conhecimento mais profundo e quiçá mais equilibrado, é um bom argumento. Entretanto, não funciona para uma série de coisas. Por exemplo: não seria preciso convidar assaltantes para abstrair que matar e roubar é errado; também não seria preciso ouvir Hitler para saber que o holocausto foi repugnante. Há coisas que a história e a vida ensinam à dispensa de palavras. Há coisas que só são ouvidas quando existe, bem lá no fundo, um desejo de procurar justificativas que lhe dêem um caráter de permissividade. E há coisas também que só devem ser ouvidas quando já se tenha uma boa e sólida argumentação em contrário.
Nenhum palestrante enfrenta uma platéia para informar passivamente – ele o faz para convencer. E, se for bom, consegue. – senão a todos, a alguns que seja, o que já lhe pode ser suficiente a longo ou médio prazos.

Certa vez, quando estudava jornalismo na PUC-RJ, sem aviso prévio, adentrou a sala um indivíduo que se apresentou como ex-terrorista para dar uma palestra. Ele começou a falar sobre as causas terroristas, falando sobre os atentados que cometera em nome delas e que não se arrependera de nada do que fizera. Essa introdução durou uns três minutos – o tempo necessário para que eu arrumasse minhas coisas, levantasse e saísse da sala. "Você não vai ouvir?" Perguntaram, já na porta de saída, os que haviam levado o indivíduo para palestrar. "Não. É uma questão de notória especialização em contrário e de incompatibilidade de neurônios".
Chamada:
STEDILE VAI DAR PALESTRA NA ESCOLA SUPERIOR DE GUERRA

 
No proximo dia 18 de julho, das 9 às 12 horas, João Pedro Stedile, da Coordenação Nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra (MST), fará palestra para os alunos da Escola Superior de Guerra (ESG).

Terá como tema "A questão agrária e o meio-ambiente" e será desenvolvida na sede da escola, na Avenida João Luiz Alves, s/n, URCA - TELEFONE 21 3223.9829.

O dirigente do MST foi convidado formalmente pelo Diretor da Escola, General de Exercito José Benedito de Barros Moreira.


--
Christina Fontenelle
Jornalista

http://infomix-cf.blogspot.com/ 

Comentários   
#10 Of SIP Refo 15-06-2015 16:08
O LUTO CONTINUA! ENTERRARAM A DEMOCRACIA!
#9 reformadoofsip 25-11-2014 16:46
!!!!O LUTO CONTINUA !!!! IMPEACHMENT NELA, JÁ!!!
#8 O CHATO VOLTOU 25-07-2014 20:14
É UMA VERGONHA. NÃO SENTEM VERGONHA DE SEREM DESONESTOS OH! CAMARINHA DO PT COMUNAS. CAPETAS.FORA! ASSIM,NOSSOS NETOS E BISNETOS SENTIRÃO MUITA VERGONHA. BASTA, ENVERGONHAREM A FAMÍLIA MILITAR - COM REVANCHISMO. ACORDA POVO! DEIXE A MAJESTOSA GUERRILHEIRA LUÍZA E SIGAM O CAMINHO CORRETO - 05 OUT 14, ESTÁ AÍ. ESTÁ NA HORA DA VIRADA, AFINAL, PELO MENOS PARA CONTABILIZAR AS DÍVIDAS. A ALTERNÂNCIA DEMOCRÁTICA É PARA ISSO. O ALI BABÁ E SEU POSTE NÃO PERMITEM, HÁ 12 ANOS, POIS, ESTAVA TUDO EM CASA. A MÁFIA DO COMUNISMO PETISTA, NÃO PERMITIRAM NEM CALCULAR OS PREJUÍZOS! IMPEACHMENT JÁ!
#7 João Guilherme 03-07-2014 13:02
Os sem terra, os sem tetos, os sem saúde, os sem saneamento básicos, os sem seguranças, até nós os aposentados sem um reajuste digno dos seus mais de 35 anos de contribuição para o INSS dentro da lei e que está nesses doze anos sendo massacrados por este governo do PT, que se diz dos trabalhadores mas odeia ex-trabalhadore s,todos têm o direito de lutar por seus ideais mas desde que seja dentro da Lei e que não violem a nossa constituição, ao ponto de querer transformar o Brasil num país comunista como os líderes do PT querem na pessoa do seu chefe maior Lula, que é para ele assumir como o ditador do pais como seus camadas de Cuba e da Venezuela. Caso insistam nisso de novo, a única saída é as Forças Armadas em cima deles, como ocorreu em 1964!!
#6 OCHATOU BOM CRITICA 11-02-2014 14:25
Fora m...vai pregar noutras pastagens.
Estela Heloísa, Luíza, Greco, Pimentel, Márcio Lacerda, todos de uma mesma época de comunismo/petis ta/marxismo/, enfim todos iguais e misturados ... Viva 31 de março de 1964, salvaram o Brasil. Todavia as pestes, postes, voltaram. Vão para inferno, seu capetas ...
#5 O CHATO QUE ALERTA! 16-01-2014 01:08
Há necessidade de muita atenção.
O momento brasileiro é delicado.
A dona está mandando muito. E, através de cartas/leis...
É perigosa, está mentindo demais e piorando.Inicio u-se assim, quando em CUBA se mandou muitos para o fuzilamento. Ninguém é bobo.
Passou da hora da virada.Divulgam -se muitas sacanagens até, em instituições que eram sérias.Alguns, não bebem, não fumam, nunca perdem-se o juízo e, estão sendo misturados a vagabundos, por causa de ideologia. Tem gente roubando e jogando a culpa nos outros - nas instituições, já virou bagunça. Tem outros respondendo processos indevidamente. Estão abafando em prol dos que realmente devem. Ou seja, total inversão de valores - acordemos ... Os presídios dos grandes centros, estão piores do que no MA Pedrinhas. Lá morreram 60, em um mês. Tem outros que morreram 200 em quinze dias e, se abafa, cuidado! Olha as injustiças... Acordemos.
As polícias já não suportam o excesso de homicídios e não atendem crimes menores.
#4 O CHATO QUE ALERTA! 16-01-2014 00:53
É, parece que estão usando vendas.
Aí reside o perigo! Observem que o MST já está nas cidades. Devemos ter mais atenção àqueles que pouco escrevem, porém, têm a certeza do que dizem.
O Rainha, o Stédile e outros estão manifestando-se novamente!Atenç ão: A revista da igreja católica publicou que, dinheiro não era problema, para eleger um do MST presidente.
A ideia de que miseráveis e pobres devem sempre ser atendidos - não quer dizer: criminosos, abestados, canalhas etc - serem priorizados a qualquer preço.
Parabéns Senhor Azambuja. As igrejas, cederam suas dependências para política misturada com fé.Isso é péssimo. Desde 1985, muita influência... Não esqueçamos do ARAGUAIA - Hoje estão implantando imensos covis nas grandes cidades ... Inverteu-se.Igr ejas que se transformam em palco de eleição, deixam de ser igreja. Ademais, os crimes hediondos estão cada vez mais graves - hoje, sem punições - lembram-se do Maranhão, porém, NOS grandes centros,ocorre pior
#3 M. OLIVEIRA 26-12-2013 00:31
QUE COISA HORRÍVEL. O PROTEGIDO DA IGREJA CATÓLICA PROGRESSISTA.
COMUNISTA GAÚCHO DOS SEM TERRAS?
MAIS UM AVENTUREIRO - SERÁ QUE USAM VENDAS? AO RECONHECER ESSE CANALHA NA CASERNA?
ACORDA BRASIL!
#2 Azambuja 26-10-2013 14:46
Será que os professores da ESG ainda não conhecem os "pontos de vista" do MST e têm que convidar um arruaceiros para palestrar para os oficiais? Acho isso muito exquisito. Enfim, é o Exército de hoje.
#1 Milton 22-08-2013 13:33
A que ponto nós chegamos? Há quanto tempo temos oficiais trabalhando nas fronteiras e missões ribeirinhas?
Será que tudo é "UTOPIA"?
As FFAA, devem ser preservadas S.M.J. - a igreja católica, informa numa revista "OBSERVATÓRIO ROMANO"(ANO DE 2005) - QUE DINHEIRO NÃO FALTARIA PARA ELEGER UM DO MST (PRESIDENTE) ... CONHECEMOS OFICIAIS "FORMADOS" QUE, NEM FORAM CONVIDADOS PARA PASSAR PELA ESG .. NEM PERTO ...
Adicionar comentário