Reação violenta em frente ao Clube Militar. 
 Tentativa de impedir a liberdade de expressão 
 de militares da reserva, que dentro da lei,
 participavam do Painel "1964 - A Verdade" 
Filme triste
Encaminho para divulgação o texto abaixo escrito por meu irmão.
O evento recente no Clube Militar lembrou-me do passado, quando jovens igualmente orquestrados, antes de edição do AI 5, tumultuavam  com passeatas a vida dos cariocas, na mesma Avenida Rio Branco. Muito do que ocorreu antes de 1964, no sentido de desunir os brasileiros, de lançar praças contra oficiais nas Forças Armadas e exacerbar as diferenças sociais para transformá-las na famigerada "luta de classes" se vê hoje.
Texto completo
Tentativas absurdas de exlcuir da tipificação do crime de terrorismo as ações levadas a efeito por "movimentos sociais" ilustram uma tática de tomada do poder, que possivelmente faz parte de um planejamento mais amplo.
Que ainda existem dinossauros (coisa que há alguns anos eu negava), não dá mais para duvidar. E não me refiro aos sobreviventes castrossauros, mas a redivivos chavessauros. Sempre disse (ou melhor, repeti, pois não é meu pensamento original) que idéias se combatem com idéias. Ém 1964 os militares tiveram que atender ao clamor do povo e pelas armas, ainda que sem sangue, tomaram para si a direção da nação. Posteriormente, reagiram à altura às tentativas armadas do PC do B e organizações terroristas filiadas e similares de tomarem o poder. As esquerdas antidemocráticas foram vencidas. Pena que, na continuidade, continuaram a trabalhar na surdina, e aí ouso afirmar que esta parte da guerra foi perdida: temos hoje toda uma geração de brasileiros que foram educados sob os governos militares e que simplesmente desconhecem, ou pior, conhecem de forma distorcida a história recente do país. Lutemos, enquanto é tempo, com idéias, para que amanhã não seja necessário que todos aqueles que não querem viver sob o jugo de um chavessauro tupiniquim tomem armas para defender os princípios mais caros que formam nossa nacionalidade.
Dinarte

Comments powered by CComment

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar