O coordenador nacional do MLST (Movimento de Libertação dos Sem Terra), Bruno Maranhão, disse no Recife (PE) que vai fazer campanha para a reeleição do presidente Lula e...

Texto  completo

 

... pretende ser reintegrado à executiva nacional do PT, no cargo de secretário de mobilização popular, do qual foi afastado no dia em que comandou a invasão e depredação da Câmara dos Deputados, por integrantes do MLST.

    Maranhão disse que vai pedir ao PT que o convoque com urgência para depor perante a comissão de ética do partido, onde pretende esclarecer o que chamou de "grande injustiça". Bruno Maranhão passou 38 dias preso, pela depredação das instalações da Câmara dos Deputados, mas se diz inocente: "Jamais a direita vai me usar".

    Segundo ele, apenas 15 integrantes do MLST participaram da depredação. O burguesão pernambucano (mora em uma mansão) Bruno Maranhão, de família tradicional de usineiros do açúcar, com filhos estudando no Exterior (Estados Unidos), pensa que os brasileiros são todos idiotas e cegos, que não têm olhos para ver televisão e as barbaridades cometidas pelos seus comandados no dia 6 de junho.

    Certamente ele pensa que os brasileiros são iguais a Lula, que não vê nada, não ouve nada, não sabe nada.

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar